A Albânia foi reeleita para o Conselho Executivo da UNESCO, a mais alta estrutura executiva da organização, para o período 2017-2021.

Como membro do Conselho Executivo, a Albânia terá a oportunidade de continuar a contribuir para a implementação de políticas de desenvolvimento sustentável nos campos da educação, cultura, ciência, comunicação, preservação e promoção do patrimônio cultural, espiritual e natural. Numa mensagem publicada nas redes sociais, o ministro da Europa e dos Negócios Estrangeiros, Ditmir Bushati, enfatizou a disponibilidade do país para trabalhar em estreita colaboração com outros países para promover a paz e o desenvolvimento através da cultura, da ciência e da comunicação.

A Albânia tem três sites re-registrados como parte do Patrimônio Mundial. Os valores e o patrimônio albanês também fazem parte da lista do Patrimônio Cultural Espiritual, bem como do Programa Mundo da Memória. Nos próximos quatro anos, a Albânia irá aprofundar uma estreita cooperação com a organização em várias áreas e continuará a apoiar e promover os planos e projetos de cooperação da Organização com outros países da nossa região.